terça-feira, 25 de novembro de 2008

QUE POBREZA FRANCISCANA...

Há duas palavras intrinsecamente ligadas a qualquer jogo. Seja de uma qualquer modalidade desportiva ou um mero jogo caseiro, como snooker ou setas, etc... A vitória e a derrota fazem parte de qualquer jogo, seja ele qual for. E já só falo em jogo, não me refiro sequer a competição.

Quem entra num jogo sujeita-se, por isso, a ganhar ou a perder. E quando se perde, sobretudo quando isso é recorrente, é absurdo cair no rídiculo de procurar arranjar sucessivas desculpas e retirar mérito ao(s) adversário(s). Irrita-me isso... É feio! Ainda para mais quando, em alguns casos, não está nada em jogo além de um mero divertimento.

Aqueles que não têm 'fair play', mas que, porventura, possuem uma alma a transbordar de complexos de inferioridade bacocos, fazem melhor figura se não entrarem em jogos. Não por perderem - umas vezes até podem ter a sorte de ganhar -, isso é irrelevante, mas pela atitude que denotam. Aí, sim, perdem verdadeiramente. E não para os outros. Derrotam-se a eles próprios.

Um jogo não vale só por encontrar vencedores e vencidos. O comportamento dos jogadores pode servir para muito mais além de um simples resultado. Pode dizer bastante acerca de quem joga. Num jogo, as pessoas dão-se a conhecer sem que se dêem conta disso.

As reacções que vêm do nosso fundo num simples jogo da treta serão as mesmas que mostraremos na batalha diária da vida. Nas pressões, nas derrotas e nas vitórias que encontraremos no dia-a-dia. As mesmas, sem tirar nem pôr!

Sem sabermos perder, nunca saberemos como trilhar o caminho da vitória. E assim vive muita gente frustrada e complexada... Pobres de espírito! A vida, tal como um jogo, faz-se de triunfos e desaires. Por que a vida também é um jogo...

Nota: Como já algumas pessoas comentaram este 'post' julgando tratar-se de uma situação do futebol, convém frisar que este texto não está relacionado com esse tema.

Abraço/beijinhos

37 comentários:

paulofski disse...

Belo texto Pedro. O jogo é ganhar e perder e até para isso é preciso saber, saber jogar.

Abraço.

ci disse...

Existem muitoss maus perdedores...

beijo da ci

Boa semana

XS disse...

Por vezes ganha-se muito mais perdendo.
E é indiscutível: pessoal com mau perder devia levar golpada na jugular!

Helena de Tróia disse...

e não vens cá pra gente tomar um bagacinho (que aqui se chama Ouzo e é uma especialidade)!

Ana disse...

Eu vou muito a jogo mais pelo prazer, companhia, divertimento do que pela competição em si! E, em alguns, o meu principal objectivo é: Se sei que vou perder ao menos que não seja por muitos ;)

albana disse...

já comemorei grandes vitórias, já enfreitei grandes derrotas,o que me deixou mais forte e me ensinou mais sobre a vida foram as derrotas, e tanto umas como outras são de minha inteira responsabilidade, não há culpas atribuídas ao árbitro neste meu jogo

deixa-me adivinhar... tb fizeste anos...se é o caso: parabéns!!!

bjinho
albana

Isa disse...

Concordo contigo,Pedro.Bem verdadeiro o k desenvolveste.
Estou um pouco melhor,mas ainda atacada.
Beijo.
isa.

Carla Sofia disse...

É bem verdade, quem não sabe perder também não sabe apreciar uma vitória merecida. A esta exemplo relembro outro, que é a dificuldade que algumas pessoas têm em assumir os seus erros...
O ser humano é complexo.
beijinho

Brigitte disse...

Há que aprender a saber perder e até mesmo aprender a saber vencer!
Complicado?
Penso que não....
beijos
:)

Nuno disse...

Tens toda a razão no que dizes. Há pessoas que têm um incrível mau perder e tudo serve para justificar os fracassos. Há que ter muita paciência.

Um abraço VERDE,
Nuno.

Salto-Alto disse...

Gostei muito deste texto, gosto muito da maneira como escreves. Gostei principalmente da parte em que dizes "As reacções que vêm do nosso fundo num simples jogo da treta serão as mesmas que mostraremos na batalha diária da vida. Nas pressões, nas derrotas e nas vitórias que encontraremos no dia-a-dia. As mesmas, sem tirar nem pôr!" :) Como concordo contigo! E olha que não percebo nadinha de futebol!

Beijocas!

DANTE disse...

Ganhar ou perder é desporto. Se bem que ganhar...é MAIS desporto! ahahahahahah

Um abraço

Pedro Barata disse...

Paulofski: Obrigado. Fico contente por teres gostado.

Ci: Muitos, muitos e muitos...

XS, Brigitte e Nuno: Concordo com vocês, muitas vezes precisamos de sofrer derrotas para podermos crescer e evoluir.

Helena: Pois é, gostava bastante de ir aà Grécia, é um sonho que tenha e quem um dia espero concretizar. Mas sem bagacinho e com outra bebida qualquer ;)

Ana: Tens o espírito da coisa! Parabéns.

Albana e Carla Sofia: É como disse no texto, quando as pessoas de desculpam nos jogos que não interessam para nada, faço ideia nas coisas que verdadeiramente são importantes...

Isa: As melhoras.

Salto-Alto: Obrigado pelo que disseste. E quanto ao texto nada tem a ver com futebol! Quer dizer pode aplicar-se também ao futebol, mas não era a isso que me referia.

Dante: Para alguns só é desporto mesmo quando ganham e o pior é quando não se sabe ganhar... por que quando não se sabe perder, também não se sabe ganhar.

Abraço/beijinhos a todos e obrigado pelos comentários

LionMaster disse...

Se há culpas a atribuir elas têm de ser atribuidas e mai nada... Há casos mais que descarados que têm de ser denunciados!
Se tas por ventura a falar do Paulo Bento eu só tenho de lhe dar o meu apoio porque ele não tem medo e diz as verdades doam a quem doer... e cada jogo que passa é cada vez mais dificil desmentir o homem!!

Abraço

Pedro Barata disse...

Albana: Sim. Já não vais esquecer com tamanha coincidência...;) Obrigado. Bjinhos

Pedro Barata disse...

Lion: Este texto nada tem a ver com futebol, vou já pôr uma nota no final do texto. Mas que falas no Paulo Bento, vai ver aquele site que te sugeri, tens lá a inha opinião. Abraço

LionMaster disse...

Que por acaso não tinha nada a ver com o Paulo Bento mas axei giro falar dele hehehe

abraço

Raquel Barros disse...

Soa-me a desabafo... ganhaste e o teu adversário não achou muita piada lol

sonhos/pesadelos disse...

concordo, sem tirar uma virgula sequer. a maior parte das vezes ganha-se mais na derrota, e nos prepara para uma melhor vitória, ensinando-nos a apreciá-la melhor.seja nos triviais jogos de mesa ou no imponente jogo da vida, o que interessa é a experiÊncia que eles nos proporcionam e o que podemos aproveitar deles.
bjs endiabrados

Sol disse...

Também me irrita as pessoas que não sabem perder, seja o que for.



Jinhos

cassamia disse...

bela reflexão. no entanto pegando nas tuas palavras, se existe sempre uma vitoria e uma derrota a vida não poderá ser, e não é de todo, um jogo, pois sendo-o não poderia existir a morte, na medida em que seria um jogo perdido à partida.
agora, que existem vários e diferentes jogos ao longo da vida e com diversos níveis, isso é irrefutável. uns perdemos, uns ganhamos :)
bjinho

Gi disse...

A vida faz-se de tanta coisa e não só de triunfos e derrotas; a vida não é tão dicotómica, assim, embora facilite.

Vício disse...

a vida é uma competição com varias modalidades!
surf... manda-se umas pranchadas
dardos... manda-se a seta
hipismo... dá-se umas cavalgadas..
e por ai adiante!

lilipat2008 disse...

Tens toda a razão...nem está em questão o que se ganha ou não, mas o simples facto de não assumirem as derrotas o que também faz com que não aprendam nada com elas. Porque se ganhar é bom, perder ensina-nos sempre alguma coisa que nos poderá ajudar a vencer mais tarde...:)

bjitos

P.S. - A propósito...belo texto ;)

Bruno disse...

As derrotas que enfrentamos devem ser vistas como pequenas vitórias porque se tivermos um visão positiva das nossas derrotas então abrimos as portas a muitas vitórias :). Isto é um pensamento, o que acontece na prática às vezes é um pouco diferente. A genética mente humana é complexa é como se tivesse dois lados em permanente desafio, o lado da vitória e o lado da derrota, há dias em que um dos lados parece mais activo que outro, no entanto, nós conseguimos dar uma ajuda... Basta escolhermos qual dos lados que queremos ajudar...

Abraço

Shakti disse...

Ganhar e perder faz parte do jogo da vida...é pena que os peões da mesma nem sempre aceitem as derrotas da mesma forma que aceitam as vitórias...

bj

Tiago R Cardoso disse...

muito bom apontamento, o meu total acordo com as ideias.

_+*A Elite in Paris*+_ disse...

No fundo, esse "jogo" pode ser a vida ou algumas (todas) as situações que nela se apresentam...

Beijo meu ♥,

A Elite

Sorrisos em Alta disse...

Desculpa, mas não concordo com o "As reacções que vêm do nosso fundo num simples jogo da treta serão as mesmas que mostraremos na batalha diária da vida."

Na vida diária não dou pulos, não chamo nomes, não cuspo e não estou sentado de bjeca na mão...

;o)

Grão Vizir disse...

De jogos, para além de uma suecada de vem em quando, sou bastante viciado em magic the gathering, e é tal o divertimento que nunca rende amuar com isso, la está , como dizes, é um jogo apenas!

abraço

Rafeiro Perfumado disse...

E, tal como no futebol (eu vi o PS), o que chateia é a falta de fair-play...

Abraço, excelente texto.

The Queen disse...

(: como alguém disse algures... Há que saber jogar, perder e vencer.. e Principalmente saber desfrutar do jogo, da companhia e se for possível aprender alguma coisa (: Beijo*

Lactrodectus Mactans disse...

Há quem saiba perder e há quem não saiba ganhar...isso reflecte muita vez a personalidade da pessoa...mas estou de acordo contigo =)
Abraço

missixty disse...

Concordo plenamente com o que dizes. Logo que a vitória seja justa, tem de se lhe dar o mérito.
Mas às vezes a vida é muito injusta e nem sempre o premiado, é o que merece a honra! Depois verás, num post explosivo que tenciono fazer para breve " As regras do bom funcionário".
Entretanto vai ver o que lá tenho...fotos action no stop!

Miguel disse...

Esse texto aplica-se a muitas situações da vida :(

Abraço

Kath disse...

Confesso que já tive algum "mau perder", mas depois passou-me quando começei a ter juízo.. Ou a perdê-lo, depende da perspectiva :P Gostei muito do que disseste no último parágrafo..

Beijos****

Anónimo disse...

Olá pedro!!Ia fazer um comentario parecido com os 36 ja feitos. Nao vale a pena...em relacao ao tema nao vale a pena. esta tudo dito e bem dito. Parabens pelo texto!! Muito bom!! bjs. Liliana