quinta-feira, 15 de abril de 2010

"NÃO REBENTES O BALÃO!"

Não gosto de pessoas que querem sempre tudo feito à sua maneira e que pretendem impor-se a tudo e a todos. É gente de que, num domínio pessoal, abdico facilmente.

No caso de ter que trabalhar frequentemente com pessoas assim, aí o caso pode ganhar contornos 'bicudos'. A minha forma de ser genuína e o desagrado de ter que levar com esse tipo de gente, não pode sobrepor-se ao interesse de um grupo de pessoas. Convém ser emocionalmente inteligente, evitando gerar problemas a terceiros.

Reconheço que fazer esta gestão interna e conseguir ter este tipo de controlo sobre as minhas emoções, é das tarefas mais hercúleas com que me posso deparar. Sobretudo, diante de pessoas que depois de afirmarmos "vermelho", têm que dizer "encarnado". Não é fácil para alguém que não se contenta com um mero papel passivo...

No entanto, há que tentar, ao máximo, manter a calma e não fazer rebentar o balão!!! É um grande desafio? Sem dúvida que sim. Mas, pronto, os desafios existem para serem superados e, simultaneamente, nos fazerem crescer e ganhar experiência no caminho da vida. Quase tudo, nesta nossa andança terrestre, acaba por transformar-se numa aprendizagem útil. É, no mínimo, benéfico pensar assim!

No que concerne a esse tipo de pessoas, independentemente da quantidade de perfume que utilizam, o melhor que faziam era ir a um banho... de humildade! De preferência com bastante sabão...

Ainda assim, estes indivíduos merecem, por vezes, um agradecimento. Quando? Quando conseguimos subir mais um degrau... sem rebentar o balão!!!

Abraço/beijinhos

7 comentários:

Kat disse...

E quem fala assim não é gago :D

Sabes eu já fui um bocado assim..mas depois fui tomar um banho de humildade e aprendi a lição :)

Beijinhos :)

Nirvana disse...

:)Tomar uma atitude assim, Pedrito, implica uma coisa: carácter, e isso nem toda a gente tem.
A humildade é algo que escasseia por aí.
Beijinhos

Ah! Vês? Se disseres "verde" não há alternativa ;))

Anónimo disse...

Que horror!! Parabéns por teres esse "sangue frio" todo eu não conseguia mesmo! Fico a maioria das vezes a perder, mas não consigo controlar-me. Continuo com o coração perto da boca e dos olhos... beijo grande
XXXX

CarlaSofia disse...

É preciso ter calma e não dar importância, ignorar se possível. Eu tenho essa batalha todos os dias sobretudo no emprego.
:)
tudo bem contigo? beijinhos*

Karochinha disse...

Que grande "bofetada de luva branca" para muitos com toda a certeza.....adorei pela forma diplomata como te explicas, isso é que é ser crescido quando muitos ainda andam de "fraldas", como costumo dizer.....

Parabéns pela tua forma de agirperante essas pessoas, de facto é preciso ter habilidade e toneladas de paciência!

Beijocas

paulofski disse...

Infelizmente há por aí muita gente dessa espécie, que incha perante hierarquias, estatutos, poleiros. A essas "pessoas" deverias apenas dizer a popular frase: "ó patego olhó balão" e seguir em frente.

Abraço

ps: o título é merecido sim senhor.

Claudia disse...

Quem nunca passou por situações assim e tem que levar constantemente com pessoas desse calibre? infelizmente o leque de personagens dessas também já é algum e bem te compreendo que fazer a gestao das emoções internamente é muito complicado e ás vezes rebenta o balao! mas tudo passa... parabéns pelo texto está muito expressivo!
cump. ana martins